março 24, 2017

Espiritismo & Espiritualismo

Ambas doutrinas acreditam em espíritos, na sua existência e inclusive na sua continuidade após o corpo físico, mas confundem-se na teoria.
Para entender a diferença e até toda a complexidade, recomendo mais leitura e estudo; temos inclusive muito ao nosso dispor, embora nem todo conteúdo seja confiável. Pessoalmente, indico mentores como Allan Kardec e/ou Chico Xavier, que ao meu ver possuem teorias mais plausíveis e de entendimento considerável.
No meu ponto de vista concluí que:
ESPIRITISMO É uma ciência que trata da natureza, origem e destino dos espíritos, bem como das suas relações com o nosso mundo físico.
É divulgado e aceito como religião, mas não simpatiza com  prática cristã alguma, como casamentos em igrejas, batismos e outros mais.
Já o ESPIRITUALISMO (o que sigo) é um termo que designa toda e qualquer proposta válida, contando que se oponha ao materialismo. Ele também concorda que os espíritos sobrevivam após a morte carnal, porém vai mais além. No espiritualismo moderno como exemplo, desde o século XV crê-se até na possível comunicação e interação.
Ser espiritualista para mim particularmente, é respeitar e aceitar todas as culturas religiosas, mesmo não concordando com todas as teorias. Um bom espiritualista é aquele que enxerga além das suas próprias convicções religiosas. Que entende a necessidade espiritual de muitos e que cada um tem o direito de seguir aquela que lhe traga maior segurança e confiança.