março 24, 2017

Espere sua vez

Abrem-se então as portas tão esperadas, uma a uma, sem afobação. Por mais que desejemos possam passar por elas todas as pessoas que vivem dificuldades, é preciso que seja feita uma seleção.
Não são todos que possuem qualificação desejada, pois há muitos curiosos que apenas infiltram-se, aproveitam-se de oportunidades por pura falta do que fazer.
É somente aqueles que realmente desejam trabalhar, não só por necessidade, mas por amor a profissão, que conseguem com esforços pessoais e diários serem recompensados.
Nada vem de graça, nem cai do céu como presente.
Conclui-se, portanto, que a vez de cada um haverá de chegar, contanto que sejam merecedores.

do livro Encantamentos místicos em andamento