maio 08, 2017

Confiança adquirida

Ninguém nasce sabendo, fato este que todos entendem bem, mas alguns preferem ignorar, e por conta disso, se quebram tantas cabeças.
Procuramos atalhos para o sucesso, pensamos em ganhar na loteria para ficarmos ricos e verem assim realizados absolutamente todos os nossos sonhos. Preferimos facilidades, aprendermos dormindo, acordarmos mais espertos.
Nada é conquistado sem esforço, devemos nos resignar a nossa humilde existência e então, corrermos atrás de conhecimento, aprimorando habilidades, procurando sermos pessoas e profissionais melhores.
O medo de errar faz com que não saiamos do lugar, mas errar faz parte, é errando que se aprende.
Nenhum de nós nasceu pronto para estrelar, são nos palcos das nossas dúvidas que aprendemos a decorar nosso papel.
A nossa luta é árdua e deve ser ininterrupta, sempre haveremos de ter o que aprender, principalmente quando considerarmos já termos aprendido tudo.
Os estudos são as nossas chaves mágicas, todos os dias nos deparamos com desafios e não podemos nos intimidar. É com coragem e audácia que ultrapassamos até as mais elevadas barreiras.
Ao admirarmos uma pessoa confiante, invejamos a sua conduta, mas inveja é uma merda fedida e ninguém deve deseja-la. Quem parece-nos confiante, nem sempre sabe todas as respostas, aliás nunca sabe, porém, com certeza sabe o que quer. Ignorância consentida nada nos ajuda. Depois de bater muito a cabeça, de ver os nossos planos escoarem ralo abaixo por incompetência, acordamos para a vida e saímos da nossa aconchegante acomodação.
O que hoje parece-nos impossível, amanhã pode não ser, só depende do nosso esforço e determinação.
Confiança não se ensina, não se transmite, é adquirida.

do livro em andamento Histórias de nossas vidas