junho 30, 2017

Maré favorável


Confessar amor vivido, demonstra que se está vivo, num mar de peixes já boiando.
A maré nem sempre está a nosso favor, mas aprender a nadar não causa assim tanto pavor.
Quem entra na água é para se molhar, nem adianta ficar imaginando que é impermeável.
Confessar amor, mesmo que seja um sofrido, demonstra que ainda se está dolorido, mas que aprendeu sozinho a se curar.

do livro em andamento Recomeço