junho 08, 2017

Sinto e invento, 
pelo menos eu tento.

Cismo com meu egoísmo
e então fico há um passo do abismo.

No descompasso, 
repasso os sentimentos 
e refaço meus dias.

Paro e observo
sigo no inverso
e então reencontro meu caminho.